Acesso empresa Cadastre grátis sua empresa

Cloro: entenda sua função no tratamento da piscina

O cloro é um dos principais produtos utilizados na hora de tratar uma piscina, pois garante a qualidade da água, para que não ofereça riscos à saúde. Entenda mais sobre o assunto.

25 mai 2017 Manutenção e limpeza de piscinas - Leitura: min.

piscinas

Certamente o cloro é um dos produtos mais conhecidos quando o assunto é tratamento da piscina. É fundamental para garantir os níveis ideais de pH na água, o que propicia um banho seguro e agradável. Mas, como age o cloro?

O produto é responsável por eliminar bactérias e fungos por meio de uma reação química. Isso evita que microrganismos causem doenças, como micose ou ainda o chamado "pé de atleta". De maneira geral e resumida, o cloro é utilizado para desinfecção da água.

Apesar de outras substâncias terem ganhado espaço na hora de limpar a água da piscina, como os geradores de sal e de ozônio e a radiação ultravioleta, o cloro ainda é o produto mais utilizado.

No entanto, apesar de ser fundamental para garantir a qualidade da água da piscina, o cloro necessita ser aplicado de maneira correta. Isso porque, em caso de excesso, por exemplo, pode causar irritação de pele, dos olhos e da mucosa.

Como aplicar o cloro na piscina?

A aplicação de cloro para o tratamento da água deve ser constante, e a quantidade varia de acordo com o tamanho da piscina. O primeiro passo é fazer a análise semanal da água da piscina, lembrando que:

  • o pH deve estar entre 7.2 e 7.6;
  • a alcalinidade tem que permanecer entre 80 e 120 ppm;
  • e o nível de cloro deve estar entre 1 a 3 ppm.

Cabe destacar que o cloro deve ser aplicado na piscina 3 vezes por semana. Isso serve para que os níveis se mantenham nos padrões adequados e a água esteja própria para o banho.

shutterstock-248928994.jpg

Porém, é preciso ficar atento à quantidade, que muda entre o cloro granulado e líquido:

  • cloro granulado: 4 gramas para cada 1.000 litros de água;
  • coro líquido: 15ml para cada 1.000 litros de água.

Vale lembrar que as dosagens podem mudar de acordo com a marca.Por isso, antes de aplicá-lo, é fundamental ler o rótulo do produto e ver as orientações do fabricante.

Outro fatos a se considerar são os fatores externos que podem interferir nos indicadores da piscina. O excesso de chuvas e o uso constante da piscina, por exemplo, podem diminuir o nível de cloro. Sendo assim, a quantidade a ser aplicada na manutenção periódica será maior.

E atenção: uma vez realizada a aplicação do cloro, é necessário que o filtro seja ligado por aproximadamente 2 horas,para que o cloro seja espalhado de maneira homogênea pelo tanque da piscina.

Cuidados na hora de aplicar o cloro

É importante destacar que o cloro é um produto forte, que pode causar danos se não forem tomados os devidos cuidados. Primeiramente, o produto deve ser diluído em um balde plástico com água da piscina, para, em seguida, ser vertido no reservatório.

De acordo com empresas especializadas em tratamento de piscinas, se jogado diretamente, especialmente em se tratando de cloro granulado, as partículas sólidas podem se depositar no fundo e acabar manchando o revestimento, se a piscina é de fibra ou vinil.

Fotos: por Piscinas.com

7 Curtir

Deixe seu comentário

INFORMAÇÃO BÁSICA SOBRE PROTEÇÃO DE DADOS
Responsável: Verticales Intercom, S.L.
Finalidades:
a) Envio de solicitação ao cliente anunciante.
b) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços próprios.
c) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços de terceiros de diferentes setores de atividade, podendo implicar repasse dos dados pessoais a esses terceiros.
d) Segmentação e elaboração de perfis para fins publicitários e para prospecção comercial.
e) Gestão dos serviços e aplicativos oferecidos pelo Site ao Usuário.
Legitimação: Consentimento do interessado.
Destinatários: Está previsto o repasse dos dados aos clientes anunciantes para atender suas solicitações de informação sobre os serviços anunciados.
Direitos: Tem o direito a acessar, retificar e eliminar os dados ou se opor ao tratamento dos mesmos ou a alguma das finalidades, bem como outros direitos, como se explica na informação adicional.
Informação adicional: É possível consultar a informação adicional e detalhada sobre Proteção de Dados em br.piscinas.com/proteccion_datos

Comentários (4)

  • José Ribamar Pereira

    Muito bom essa dica. Gostaria de mais informações, como elevar ou baixar o ph assim como o cloro ao nível correto. Ok?

  • Cassandra quintino

    Gostei ta bem explicado o assunto

  • Pinto

    Bom.dia, minha sao de 10mil, uso muito pouco, uso cloro, algicidas de manutencao e clarificante, um cada dia, qual quantidade de cada produto devo usar.

  • Wagner José Rodrigues

    Gostei da dica. Vou passar eu mesmo a limpar a piscina. Se possível, queria saber os equipamentos que devo comprar, bem como os produtos. Posteriormente queria saber sobre os passos que deverei fazer.

  • Você não pode deixar de ler...